Pinhão

Nome botânico: Pinus pinea L.

Família: Pinaceae.

O pinhão é a semente do pinheiro, que é uma espécie monóica (isto é, o mesmo indivíduo tem flores masculinas e femininas). As flores masculinas localizam-se na base dos rebentos anuais. Os amentilhos femininos, rosados, localizam-se no topo dos rebentos anuais.

O pinhão é uma designação que engloba várias espécies de pinaceaes e araucariaceaes cuja semente não se encerra num fruto. Assim forma-se dentro de uma pinha, fechada, que com o tempo, se vai abrindo, permitindo a libertação dos pinhões. Quando as pinhas abrem, os pinhões, que têm “asas”, espalham-se numa área que pode atingir cerca de 50 m de diâmetro. O pinhão tem a forma de uma cunha e possui uma casca que recobre a massa compacta e altamente proteica da semente propriamente dita.

O pinhão pode ser consumido directamente sem ser cozinhado ou utilizado em confeitarias e culinária diversa.

Composição nutricional

Muito rico em fósforo e potássio, sendo uma das sementes mais ricas em proteínas e lípidos.

Tem ainda ácidos gordos essenciais, vitamina B1, B2, PP e cálcio e ferro.

Como comprar

Os grãos, aos serem adquiridos, devem ser de cor branca e sem manchas. Pois se estiveram amarelados, o seu estado de conservação não será o melhor.

Anúncios